Publicado em Música

Secos & Molhados – Toada & Rock & Mambo & Tango & etc.

“Indicação” nº 24 do dia:

Anúncios
Publicado em Música

Barão Vermelho – Tá Difícil de Aturar

“Indicação” nº 20 do dia:

Tá Difícil de Aturar

Tá difícil de aturar viver com você
Mas é difícil de aguentar viver sem você

Todo dia é o mesmo sermão
Parece coisa de religião
Repetindo pela enésima vez
Que eu não passo de hoje
Que tudo acabou
Você não aprendeu a respeitar
O meu jeito de ser, de me comportar
Queria que eu fosse um magnata
Prá te bancar enforcado num terno e gravata

Tá difícil de aturar viver com você
Mas é difícil de aguentar viver sem você

Quando a gente se juntou
Era só eu te amo, era só eu te adoro
Depois de um tempo maravilhoso
Esse sonho mudou e pra pior, o que é pior
Eu tento sexo, você foge do sarro
E não suporta mais o cheiro do meu cigarro

Tá difícil de aturar viver com você
Mas é difícil de aguentar viver sem você

Resolvi botar as cartas na mesa, prá ter certeza
Que você ainda gosta de mim
Vem me beija boca, diz que tava louca
Você é tudo pra mim
Sei que o amor e o ódio estão, mas não acho certo
Você me tratar assim

Publicado em Música

Barão Vermelho – Sonhos que Dinheiro Nenhum Compra

“Indicação” nº 19 do dia:

Sonhos Que Dinheiro Nenhum Compra

Ao som de um sol
Swing, sex e sax
O sol do sexo espalha
Espumas de paz

E a magia de selvagens galáxias
Uma morena menina
Flutuando à beira-mar

Ao som de um sol
Swing, sex e sax
O sol do sexo espalha
Espumas de paz

E ser um anjo louco a lambuzar
O mel do bom do bem
E ser um anjo torto a explodir
Ruas cidades e jardins

Num show de raios
Vídeo e cometas
E derrubar as preteleiras sim
(e desfraldar uma bandeira a mil)
Por fim a esse domínio de bárbaros
Ao som de um sol
Senha do sonho do planeta feliz

Publicado em Música

Barão Vermelho – Só o Tempo

“Indicação” nº 15 do dia:

Só O Tempo

Aqui o sol está fervendo
E você ás vezes pensa demais
VocÊ diz está sofrendo
Mas também não decide se fica ou se vai
Lágrimas são feitas para rolar
Pessoas vem e vão
Contra o fato não se pode lutar
Hoje o fim não é opção
Só o tempo abaixa a poeira
Só o tempo cicatriza a perda
Só o tempo
O mundo gira como um pandeiro
Depois da chuva tudo passará
O que foi triste em fevereiro
Não se preocupe meu bem
Um dia vai mudar
Só o tempo abaixa a poeira
Só o tempo cicatriza a perda
Só o tempo
Quem sorriu com a maternidade
Não conhece a curva do tobogan
Quem procura oportunidade
Sabe que a vida vem amanhã
Só o tempo abaixa a poeira
Só o tempo cicatriza a perda
Só o tempo